Solidão Felina…

Publicado: 15 agosto 2009 em Contos
Tags:, , ,

banner solidao felina

Há tempos quero escrever uma história com este gato da imagem, mas só agora a história surgiu. Está aí. Confiram e opinem!

Havia algum tempo que estava ali, parado. A sensação de aperto em seu peito crescia cada vez mais. Sentia-se completamente perdido. E, de fato, estava.

O frio abaixo de zero não lhe afetava a pele, aquecida por seus negros pêlos, mas começava a congelar seu pequeno coração.

Na imensidão das planícies nevadas, era apenas um ponto preto minúsculo na vastidão esbranquiçada.

Seus olhos amarelo-alaranjados brilhavam com a última chama de esperança que seu coração ainda teimava em guardar. Esperança esta de que alguém, não um alguém qualquer, mas ‘aquele’ alguém que o conhecia e pelo qual afeiçoara-se, apareceria a qualquer momento e o pegaria em seus braços aquecidos e o levaria para longe daquele deserto branco e congelante.

Até onde a vista alcançava não enxergava um único ser vivo além de si mesmo.

Lamentava-se, agora, ter pulado do trenó. Pensava que pudesse alcançá-lo facilmente, porém os desprezíveis cães eram mais ligeiros do que aparentavam. Talvez até tenham acelerado a corrida para deizá-lo para trás.

O fato é que, neste exato momento, encontrava-se sentado na neve branca, tão linda e tão terrivel. Não movia nenhum músculo e quase não piscava, com medo que pudesse perder uma oportunidade de salvar-se… ou ser salvo.

O que ele não conseguia perceber é que, mesmo que quisesse se mover, não conseguiria, pois suas patas já haviam congelado. Seu pequeno e frágil corpo já mantinha o calor apenas em orgãos vitais com o mínimo para sua sobrevivência pelo máximo de tempo possivel.

Enquanto sua mente vagava em conjecturas, seu corpo sucumbia ao poder gélido da imensidão nevada. Uma nevasca iniciava. Nunca seria encontrado.

Horas mais tarde…

solidao felina

Um grito é ouvido da solidão da neve:

“ULISSES! VEM CÀ GAROTO!”

Um jovem caminhava pela neve, enfrentando a nevasca que se iniciava, para encontrar seu companheiro peludo que cairá do trenó.

Vou encontrá-lo!” afirmava mentlamente o garoto, para não amolecer perante a força da natureza fria e inóspita.

Olhava para todos os lados, como que escaneando cada centímetro da planície para encontrar qualquer pista que pudesse levá-lo a encontrar seu amigo.

Pensava em desistir, quando avistou dois pontos amarelos brilhantes mais ao norte. Seu coração encheu-se de esperança.

Correu. Tropeçou. Engoliu um pouco de neve. Levantou-se. E correu novamente. Até alcançar os dois pontos amarelos.

Por favor, esteja vivo!” – gritava a plenos pulmões enquanto ajoelhava-se na neve e cavava.

Cavava e cavava, jogando neve para todos os lados. Aos poucos o pequeno corpo negro de Ulisses aparecia. Puxou-o para fora da neve e abraçou-o. Ulisses não se movia.

O frio intenso somado à solidão emocional em que Ulisses, o gato, encontrava-se foram suficiente para congelá-lo por completo, deixando-o como uma estátua negra no vasto branco da paisagem.

Vendo o amigo naquele estado, lágrimas brotaram de seus inocentes olhos.

NÃO!” – berrou na imensidão, enquanto as lágrimas jorravam, transformando-se em pequeninas pedras de gelo ao entrarem em contato com o ar gélido.

E lá o garoto  ficou, ajoelhado na neve, a lamentar a perde do único e melhor amigo que jamais tivera.

FIM

Anúncios
comentários
  1. eu disse:

    tadim do ulisses…

  2. Marcell disse:

    tadim do ulisses… [2]

  3. gil disse:

    Menina, por Deus! Quanta maldade… Não daria para refazer essa história e deixar o garoto chegar um pouco antes para salvar seu melhoor amigo… Reconsidera e modifca esse final…

  4. Bom Gil, primeiro, não sou menina não. Sou menino.

    E segundo, nessa história não existe viagem no tempo, portanto, o garoto vai continuar sua vida sem seu melhor amigo.

    Infelizmente as coisas no mundo real (na maioria das vezes) não são como a gente queria que fosse.

    Obrigado por aparecer aqui no Expressionando!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s